Squid Game é o maior sucesso de lançamento da Netflix


Se tem andado pela Internet nos últimos dias, já se cruzou, com certeza, com o título “Squid Game”. A série sul-coreana está há menos de um mês no ar e a Netflix já revelou que é o seu maior lançamento de sempre.

Desde o dia 17 de setembro, a série já conquistou mais de 100 milhões de telespectadores em todo o mundo.

Squid Game

 

Um grupo de pessoas desesperadas pelas dívidas que tem acumuladas aceita o convite para participar num jogo de sobrevivência baseado em jogos infantis, podendo o prémio variar entre um valor milionário, se chegar ao fim, e a sua morte, se perder. O mote parece macabro e, aqueles que já tiveram oportunidade de ver, confirmam.

No entanto, e embora o conceito não seja propriamente novo, “Squid Game” conquistou 111 milhões de pessoas por todo o mundo, desde o dia do seu lançamento na Netflix, a 17 de setembro. Se havia quem se queixasse do catálogo da plataforma de streaming, os nove episódios da nova série dramática puderam satisfazer os assinantes.

Aliás, recorde-se que “Squid Game” foi de tal forma um sucesso que uma operadora sul-coreana decidiu processar a Netflix pelo aumento de tráfego provocado por ela.

Segundo adiantou a Netflix, é a primeira série da plataforma de streaming a atrair 100 milhões de telespectadores no primeiro mês. Aliás, “Squid Game” bateu o recorde de 82 milhões de agregados nos primeiros 28 dias, detido pela série “Bridgerton”.

De realçar, no entanto, que os 111 milhões de telespectadores podem não ter visto “Squid Game” na íntegra. Isto, porque a contabilização da Netflix considera os utilizadores que assistiram a pelo menos dois minutos.

Squid Game

“Squid Game”: Jogos infantis que devem ser evitados pelas crianças

Apesar da restrição de idade associada a “Squid Game”, as crianças não estão impedidas de aceder à Netflix e de assistir à série. Nesse sentido, têm surgido algumas preocupações levantadas por pais e professores relativamente à relação entre a série e a mente dos mais novos.

Por exemplo, a Conyers School and Sixth Form in Yarm, na Inglaterra, está a avisar os pais das crianças acerca da série, alertando para as cenas violentas e macabras, e desaconselhando a sua visualização pelos mais novos. Afinal, “Squid Game” aborda cenas de sexo explícito, nudez, violência extrema, automutilação, suicídio e linguagem desapropriada.

Além dessa, também outras escolas primárias da mesma zona enviaram mensagens aos pais sobre as preocupações relativamente à visualização de “Squid Game”.

Então, pela imaturidade e inocência associada às crianças, muitos têm sidos os organismos a desaconselhar a visualização de “Squid Game” e a sugerir a criação de um perfil Netflix Kids, que limita o acesso dos mais novos à plataforma, e disponibiliza apenas o que tiver sido selecionado para crianças.

 





LINK ORIGINAL DA MATÉRIA

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Classificados D - Site de Anúncios Classificados Grátis
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Shopping cart