Guedes perde poder após ala do governo culpá-lo por protesto de servidores



O decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (13), que deu mais poder à Casa Civil para a execução do Orçamento de 2022, foi visto por aliados políticos do presidente como uma reação às falas públicas do ministro da Economia, Paulo Guedes, principalmente na questão do reajuste dos servidores.



LINK ORIGINAL DA MATÉRIA

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Classificados D - Site de Anúncios Classificados Grátis
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Shopping cart