Documentário exibido pelo UOL é finalista do Prêmio Vladimir Herzog – 14/10/2021


O documentário “Parou por quê? A reforma agrária no governo Bolsonaro” é finalista na categoria ‘Produção Jornalística em Vídeo’ do 43° Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos. O projeto é uma produção da Repórter Brasil e foi exibido em MOV.doc, selo de documentários do UOL.

A equipe do curta viajou para o sul do Pará, região marcada pelos conflitos por terra, para mostrar os impactos da política do governo Bolsonaro na vida das famílias que serão despejadas para dar lugar ao agronegócio.

A criação de assentamentos atingiu picos nos anos de 1998 e 2005, nos governos FHC e Lula respectivamente. Na década seguinte, nas gestões Dilma e Temer, a reforma agrária saiu da lista de prioridades do governo. Já a gestão Bolsonaro decidiu interromper as políticas públicas de alojamento de sem-terra. Para 2021, o orçamento do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, o Incra, foi reduzido em 90%.

O documentário “Parou por quê? A reforma agrária no governo Bolsonaro” tem direção e roteiro de Carlos Juliano Barros, direção de fotografia e montagem de Cauê Angeli, e produção executiva de Ana Magalhães.

Também estão indicados na mesma categoria a reportagem “Pobreza menstrual”, exibida no Fantástico, da Rede Globo, e “Eles Matam Mulheres”, da TV Cultura. A cerimônia de entrega será virtual, em 25 de outubro.

“Parou por quê? A reforma agrária no governo Bolsonaro”
Produção: Repórter Brasil
Exibição: UOL
Onde assistir: YouTube de MOV.doc





LINK ORIGINAL DA MATÉRIA

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Classificados D - Site de Anúncios Classificados Grátis
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Shopping cart