Bolsonaro atribui inflação a medidas de isolamento; economistas discordam



O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou ontem a culpar medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos contra a pandemia pelo aumento dos preços, no dia em que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou que a inflação fechou 2021 a 10,06%, maior nível desde 2015.



LINK ORIGINAL DA MATÉRIA

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Classificados D - Site de Anúncios Classificados Grátis
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Shopping cart