Adoção do iOS 15 continua lenta face aos números do iOS 14 no ano passado


O iOS 14 foi um salto grande no sistema operativo para o iPhone. Trouxe uma série de novidades do ponto de vista estrutural que melhoraram substancialmente a experiência de utilização. Além disso, houve igualmente uma melhoria gráfica que deixou o iPhone com melhor aspeto e mais rápido. Na continuidade desta evolução, este ano, no WWDC 2021, a Apple apresentou o iOS 15. Basicamente foi um polir de funcionalidades já anteriormente lançadas e alguns melhoramentos que eram pedidos há algum tempo.

Lançado no passado dia 20 de setembro, o iOS 15 tem uma adoção mais lenta que o seu antecessor. Qual será a razão desta lentidão?

Imagem iOS 15 versus iOS 14

 

15 dias após o lançamento do iOS 15, a adoção continua lenta

Conforme demos a conhecer, após poucos dias do lançamento público do novo iOS, foi reportado que os utilizadores estavam a demorar mais a atualizar para o iOS 15 do que aconteceu com a mudança para o iOS 14. Duas semanas depois, a adoção do iOS 15 permanece mais lenta em comparação com os números do ano passado.

Segundo os dados da empresa de análise Mixpanel, apenas 8,59% dos utilizadores atualizaram os seus dispositivos para iOS 15 nas primeiras 48 horas após o lançamento. Para efeito de comparação, este número foi 14,68% mais baixo do que no mesmo período do ano passado, quando o iOS 14 foi lançado.

O Mixpanel mostra agora que no dia 5 de outubro, a adoção do iOS 15 se situa nos 22,22%. Se olharmos para a mesma data no passado ano, percebemos que, na altura, 41,97% dos utilizadores já tinham instalado o iOS 14.

Adoção do iOS 15 continua lenta face aos números do iOS 14 no ano passado

É importante notar que o Mixpanel mede a adoção do iOS com base nos dados recolhidos de aplicações e sites que usam a sua API analítica. Até agora, a Apple não divulgou os números oficiais de adoção do iOS 15.

 

Qual a razão desta lenta adoção do iOS 15?

O facto de as pessoas estarem a atualizar mais lentamente os seus iPhones pode ter várias explicações possíveis. Conforme já referimos, a atualização deste ano é mais incremental, menos radical do que o que se viu no iOS 14. Os widgets foram melhorados no iOS 14, aplicações como a app Mensagens no passado ganharam mais funcionalidades, apareceu também o PiP, uma interface redesenhada na Siri, a nova Biblioteca de apps, o áudio espacial e muito mais.

Fora, todos os trunfos que levaram os utilizadores a instalar para perceberem como funciona e como isso lhes poderia ajudar no dia a dia.

Outro argumento que poderá justificar esta lentidão é a ainda não implementação de funcionalidades prometidas para o iOS 15. Por exemplo, o SharePlay para o FaceTime e o Controlo Universal para os utilizadores de iPad foram adiadas para o final deste ano. Há também uma nova opção que, pela primeira vez, permitirá aos utilizadores permanecerem no iOS 14 e ainda receberem importantes atualizações de segurança.

Imagem iOS 15

Portanto, há um conjunto de possíveis explicações para este abrandamento. Agora, qual destas é a causa ou se há mais alguma, ainda não é possível perceber. Será sobretudo uma combinação de várias.

 

Leia também:

 





LINK ORIGINAL DA MATÉRIA

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

Classificados D - Site de Anúncios Classificados Grátis
Logo
Comparar itens
  • Total (0)
Comparar
0
Shopping cart